quinta-feira, 22 de abril de 2010

UM VAMPIRO EM APUROS

na noite fria
de Curitiba

(o Trevisan
escre/vendo...),

a travestida, orra!,
abre as pernas,

Nelsinho
entra...

– e,
segundos depois,

eleZão é mosquinha
se debatendo

desespe-
radamente

na
teia

da aranha
assassina!...

Um comentário:

markomoreyra disse...

visitei e gostei ... depois voltarei ???